Beleza

A beleza, essa que tantas mulheres buscam a vida toda, eu tenho viva dentro de mim. Ela pulsa, se movimenta e fala ao meu ouvido o tempo todo.  E a beleza tem mãos singelas, tranqüilas, com doçura me tocam o centro das costas, certeiras, me empurrando abismo abaixo dos meus pés descalços.

A beleza quer que eu voe. Estou o tempo todo desafiando o momento do salto. Me desafio a pular apesar do medo. Ainda não posso voar, mas tenho asas. Não sei voar mas sei saltar.  

A beleza, essa que tantas mulheres sofrem por ela, me inunda quando sopra seus ventos de outono por debaixo dos meus vestidos, pelas entre-linhas do meu tear. A beleza quer me contar os segredos das tias, das avós, das flores. Quer me contar que os bebês podem nascer sorrindo, que os homens podem confiar uns nos outros e que as águas permanecerão limpas por mais tempo que imaginamos.

Pensamento rápido…

Deixou um rastro de beleza.

Anúncios

Um comentário sobre “Beleza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s